O passeio de poeta

Das sessões diárias que tenho estado a  realizar, hoje dedico a vida à poesia.

Se não têns essa pitada de especiaria é porque pouco importa o resto e isso coloca a tua vida em risco…. Qual foi a ultima vez que passeaste ? Qual foi a ultima vez que passeaste na tua poesia?poeta

Nas aventuras de Sofia e Vitória e o ar sisudo de Sofia

Para muitos nem comecei. Para outros já morri. É sempre interessante os achismos deste mundo. Não para fazer seja o que for, só mesmo deliciar a minha curiosidade mórbida.

Mas independente de tudo isso, gosto de ver que a caminhada já mostra a cor da semente que foi semeada.

Aqui a Sofia é ainda um estudo pois não me apetece que tenha bem esses traços. Mas gostei do seu ar sisudo e acabei por a terminar.

aprendizagens-positivas

 

 

Que palavras dirias se encontrasses o amor por ai?

Amor_ilustracao-e-poema
 Amor!
 És sentimento sem razão, assenta nas leis sérias da paixão, e vive!
 No incontrolável modo como respirar, és brisa indomável, és furacão que habita meu coração.
 Se alguma vez te compreendi, nunca percebi. Decretas na insanidade do sentir, a partícula do não existir. Ideando a abstracção.
Muralhas a lógica.
Alimentas a sociedade da ilusão.
Soltas o sentir.
Desenleias a imaginação e levas contigo o grão daquilo achas que é razão.
 És, animal em perigo! Momento. Abrigo, Liberdade. Na linha lógica da insanidade, quando é unidade.
 E nesse segundo, sei!
És inspiração sem idade. Construção da ilusão em realidade.
 


Já disponível o livro para colorir dá-lhe as cores que tem o teu amor.

Amor_ilustracao-e-poema

Se ajudei ou inspirei, fico feliz por saber que sim.

Como organizar as cores de inverno?

Começa com o glacial das ruas, floreado de cinzentos com espaços aqui e ali espelhados
As árvores cravam a paisagem dum silencio castanho escuro,
e as poucas folhas que ainda as vestem, são tingidas de vários tons, que lembram a doçura do mel da primavera.
 Em andamento rápido,
O vento assobia trazendo o cinzento ao dia.
Na rua os caminhantes nervosos apressam o passo sobre um tapete escarlate e com castanhos simples ou torrados, tudo num fundo preto molhado.
Os tons azuis acinzentados adensam-se e todas as cores ganham um brilho prateado.
E então, cogumelos andantes e coloridos de traços ou pintas á chuva sorriem, abrindo os braços.
 Quando acordei a minha janela mal se continha
E logo segredou todas as cores do dia.

Ilutracao_tema_tons_do_inverno

Pinta&Usa com as tuas cores, E que cores tem a tua janela?

Ilustração do tema “Fado”

Fado

Nem os infernos aquecem alma negra
nem o tempo enterra velhos hábitos,
Para quando as palavras tenham som,
estes meus ouvidos, já se encontraram enterrados.

 E enquanto as árvores sussurram ao vento,
Faço do traço, renda que o destino tece.
Da agulha, rota, De um chão que não se conhece.

 Engasto a coragem que trago no peito,
Com a resiliência que só a experiência dá,
E sigo, mirando o que existe para lá dos sentidos,
conhecendo cada pedra deste meu caminho.

 Monto assim o saber,
e contorno os imprevistos.
Nisto que tem por nome, fado.

Creative technique / Tecnica criativa

Tecnica criativa

1. Pensa! Em diversos e variados objectos
2. Combina os objectos nas suas diferentes caracteristicas
Agrupa-os pela a forma, cor e observa variando o seu tamanho ou ponto de vista

Sabe bem qual é o objectivo que queres atingir
3. Relaciona os objectos e cria um novo

Creative technique

1. think! Several and random set of objects
2. Combine the objects in their different characteristics
Look for. form, color and observe the object varying their size point of view
Know well what the goal you want to achieve
3. Relate the objects and create a new one


experimenta! e conta-me como correu

Try it! and tell me how it went.