Como mudei o meu mindset

Habitualmente enquanto desenho ou pinto ou faço o layout de uma pagina, oiço livros. Normalmente com temas relacionados com a mente humana. por isso quando li como titulo “mindset” achei que era uma escolha apropriada.
Coloquei o livro a tocar enquanto uma das paginas do livro Inktubro. Qual não é o meu espanto quando oiço o conteúdo do livro mindset.

Espanto! Porquê?
Desde que iniciei esta jornada da ilustração, enterrei muito passado e uma delas foi o modo de pensar.
E como pensava eu?
O que tinham me ensinado desde que nasci. A criticar, culpar, não discutir. Receava tomar posições que fossem estremas ou que ficasse em destaque, Assumir culpas que não eram minhas e a culpar coisas que não eram de outros mas minhas. Receava errar, e era extremamente critica com os outros e muito mais comigo. É difícil perceber que estamos errados se não conhecemos mais nenhum horizonte de observação.
Assim foram-se quarenta anos da minha vida. Acreditando que era um erro. E que outras coisas boas pertenciam a outros não a mim. E este ainda é o mindset mais divulgado por todo o lado .

O ego

A brecha no Ego
Após do meu burn out, percebi que tudo o que tinha acreditado como verdade era na rrealidade mentira, melhor dizendo um ponto de vista uma verdade alheia que não tinha que ser a minha.
E com esta insegura certeza, decidi criar um novo mindset. Um que desse respostas e que trouxe-se ajuda nos tempo difíceis.
Aprendi a apreciar o erro. Assumir a culpa mas só as minhas. As dos outros é com eles não tenho nada a ver com isso. Passei a não ser critica , não sou juiz para andar por ai a julgar e com isso passei a ser mais compreensiva. E quando tem que existir critica deixa de ser punitiva e passa a ser uma ferramenta de aprendizagem.
Reaprendi que aprender é feito por camadas e não de uma só vez.

O Livro
Olhava espantada para o som que saia do video, e se referiam ao meu antigo mindset como minset rígido e os males que trás para a saúde e bem estar. O ao novo mindset como mindset crescente, que agora diariamente procurava executar , e como ele é promotor para resolução de situações dificeis. O livro que tenho estado a referir é este. Em Inglês( Mindset – The New Psychology of Success by Carol S. Dweck) em português, Mindset: A Nova Psicologia do Sucesso. de Carol S. Dweck

A fonte de inspiração
Como eu gostaria ter lido este livro em 2006 quando saiu. Que modificações nas escolhas teria tido? Será que teria tido burn out? Atravessado anos de stress emocional? E depois, mais uma questão se levanta.
Sabem os jovens deste livro, e o quanto os pode ajudar?
O que não daria o ter nos meus 20 anos.
Essa é outra razão deste post de hoje. Numa altura que tanto se fala de gestão emocional, poucas são as ferramentas mentais divulgadas para essa gestão. Este livro é, a meu ver, um canivete suíço para a gestão das emoções e do método de aprender ensinando o mindset de crescimento.
Para quê e porquê, manter um mindset rígido? Quando já se sabe que com o tempo, o utilizador de um mindset destes, termina em doença no Ego ( esta ultima é minha ideia e é o como considero ser o narcisismo ou a depressão e todas as outras doenças da psique que envolvem a emoção, medo).

Depois de refletir sobre todo este assunto, não fosse eu uma introvertida, Inspirei-me e dei comigo a criar um personagem…advinha! Quem? O Ego.

Categorias:ilustração

Tagged as: , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s